sexta-feira, junho 15

Que amor é esse?

Este post é candidato ao concurso “O melhor post do mundo da Limetree” (com o link: http://limetr.ee/.
Para votar clica aqui...


As vezes me pergunto: "Que amor é esse que transborda meu peito?".
Acredito que amamos desde que nascemos. Amamos nossos pais incondicionalmente. Amamos nossos brinquedos que nos rodeiam. Amamos quem cuida de nós, seja babá ou "tia" (na minha época era tia, hoje é prô) da creche. Enfim temos diversos amores.

Conforme vamos crescendo temos o primeiro amor, platônico normalmente. Quem nunca teve aquele amor pelo professor?  Amamos muitos garotos na fase da adolescência, pois amar um de cada vez é pouco... (generalizando tá gente). Amamos os amigos. Por fim amamos um homem e acabamos construindo uma família.

Mas hoje não vim falar de nenhum desses amores citados acima. Vim falar desse amor de mãe.

Vejo diversas mães falando que não amaram seus filhos assim que os viram nascer, vejo outras dizendo que amaram desde a barriga. E digo que eu amei minha filha desde que soube que estava grávida, mas que esse amor foi crescendo e continua crescendo junto com ela. Amo suas gracinhas, seu jeito bravo de ser, seu choro (muito embora me irrita), seu jeito doce de olhar enquanto mama, as suas artes... Se eu ficar escrevendo aqui não vou parar de dizer o que amo nela... Amo tudo...

Mas me pergunto diversas vezes como esse amor é maior do que qualquer amor que já senti na vida?... E olha que pelo descrito acima, amei bastante... (risos)

É um amor que não se apaga, não esmorece, não fragiliza, não faz mal, não é excessivo, não é egoísta. Pelo contrário. É um amor que alimenta, que renova, que dá saúde, vitalidade. Faz acreditar que o mundo vai melhorar. Faz ver a vida de uma outra forma. (Mas tenho um ciuminho, certo? Quem não se lembra lê aqui).

Desde que me tornei mãe, posso dizer que sou uma outra mulher. Tenho pessoas que me rodeiam (minha mãe principalmente) que dizem que eu surpreendi. Que achavam que eu não daria conta de cuidar. E eu ultrapassei barreiras, passei por cima de mim mesma e passo quantas vezes for preciso pra dar o melhor de mim pra minha pequena.

Esse amor inexplicável é o amor que fez eu entender a minha mãe, as suas cobranças, a sua proteção.

O amor de MÃE não tem segredo, não tem mistério. É simplesmente um amor puro sem esperar nada em troca. SIMPLESMENTE AMOR...

E sou muito feliz amando desse jeito.

26 comentários:

  1. Olá
    Parabéns pela Laura, também tenho a Yasmin...

    Já estou seguindo o seu blog se quiser dar uma olhadinha no meu e seguir também.

    Beijinhos

    ResponderExcluir
  2. Carol, é um amor incondicional,nè?! Essa palavra já diz tudo! Não adianta a gente querer comparar com outras pessoas que amamos... eu estou iniciando uma série de posts sobre a maternidade, não sei se vc leu o primeiro... tive alguns probleminhas na gestação em relação à minha Jú não ser o menino que eu desejava, mas, assim que a peguei em meus braços, senti que isso não tinha nenhuma importância...

    Bjs

    Sil

    ResponderExcluir
  3. AAAiiii, não vejo a hr de saber que amor é esse!!! Agora eu já amo meu filho, mas sei que não é nada perto do que vou sentir quando olhar ele pela primeira vez!!! Logo ele está aqui e eu não vejo a hr disso aocntecer!!!
    Bjao
    MaH

    ResponderExcluir
  4. Oi, Carol!
    Amei meu primeiro filho antes até de saber que estava grávida, já que ele foi muuuuuuuito desejado, muuuuuuuito esperado e demorou bastante. Quando soube que estava grávida finalmente, o amor já transbordava.
    Meu segundo filho, também amei assim que soube, a gente ama, é claro. Mas amor avassalador mesmo foi quando o vi nascer. Ui, dá até arrepios.
    Cada caso é um caso, né? Não tem regra. Mas amor de mãe é absurdo mesmo, coisa louca!
    Bjs,
    Ju.
    http://www.temquevalerapena.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  5. é amiga, é um amor imenso, q nem descrevendo com riquezas de detalhes, quem não é mãe, não consegue entender!! bjinhos lili do luanzinho

    ResponderExcluir
  6. Oi Carol, como vc tb amei amei a Clara no momento que me descobri gravida!!! Esse amor cresce a cada novo dia!
    Amor puro e sincero, esse é o amor de mãe!
    Sou loucamente apaixonada por ela, amo descontroladamente minha pequena! rs

    Bjus...

    ResponderExcluir
  7. Olá Parabés pela Laura lindinha viu ?
    Eu tenho um blog de meu irmão Daniel de 5 anos !
    Visita ? Beijão

    ResponderExcluir
  8. Olá..que lindo o seu blog.. adoreii..
    Parabens... o amor é mesmo uma cois de DEus.. Disso tenha certeza.. É Ágape!
    Da uma passada no meu blog tbm.. eimomas.blogspot.com

    ResponderExcluir
  9. Oi Carol,
    é isso tudo mesmo que você escreveu! É muito amor! rs...Já já vou sortear mais ecobags lá no Blog! Fique ligada!
    Deixa só as coisas melhorarem por aqui. Meu sogro está internado, mas está melhor agora!
    Beijos
    Chris
    http://inventandocomamamae.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  10. Lindo post Carol! Um amor inexplicável, e só sabemos mesmo depois que viramos mãe . Como você disse... Um amor que cresce...
    Que legal que morou em Ibiuna! Subi muitas arvores e brinquei muito por lá ! Recordação boa! Bjooooo

    ResponderExcluir
  11. Oieee Carol, vim pegar no seu pé! hehehe Ta na hora de atualizaaarr! hehehe
    Bjaaoo flor
    MaH

    ResponderExcluir
  12. Carol, amei o seu blog, me diverti com vc contando coisas de vcs q já passei e tbm tenho um amor imenso por minhas filhas, eu tenho 3 meninas lindas, Ariane com 21 anos, Sarah com 11 e Maria Clara com 10 e as amo demais, me vejo inconscientemente deixando de lado minhas vontades e fazendo as dela, mas faço feliz da vida...sou blogueira do blogueira unidas meu nº é 671...ah, e sua filhota é linda!!! bjks

    ResponderExcluir
  13. Carol comeram sim rsrsrs,
    Tiveram direito a tudo.
    9 meses já podem se dar a esse luxo uma vezinha.
    Bjks pra vcs !!

    ResponderExcluir
  14. Boa tade amada, sou Luciana Faço parte das "Blogueiras Unidas"...meu número de identificação na parceria é 26 grupo 4...meu link http://trabalhosemevadalu.blogspot.com. Estou passando para conhecer as blogueiras e amei seus trabalhos, Que Deus te abençoe. Já estou te seguindo e te convido a me visitar e a me seguir.
    Beijos Luciana fique com Deus.
    Tem um selinho para você no meu blog.

    ResponderExcluir
  15. oi amiga,
    ah, é amor demais!
    amei desde quando quis ser mãe, tinha um amor guardado prá ela, por ele!
    amor incondicional, amor puro, amor maior!
    me dedico por inteiro e amo muito, muito, muito, mas muuuuuuuito!rs
    beijos queridona
    ÓTIMA SEMANA PARA NÓS!
    Angi

    ResponderExcluir
  16. oiiiiiiiii flor
    tem surpresa pra vc la no http://recantodasmamaesblogueiras.blogspot.com/
    bjaooooooooo

    ResponderExcluir
  17. Oi Carol,
    esse seu post é fantástico e fiquei muito emocionada a primeira vez que li. Foi muito bom vê-lo no Top 5 do Recanto das Mamães Blogueiras. Muito merecido.
    Também amei as minhas filjhas desde que soube que estava grávida.
    beijos
    Chris
    http://inventandocomamamae.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  18. Oi lindinha!!
    Parabéns pelo top Five da semana!!!
    Vc merece!!
    A gente só descobre o verdadeiro amor quando se torna mãe, né? Parece que os outros amores ficam ínfimos perto do amor de mãe... É inexplicável e maravilhoso!
    Beijosssssssss
    Ane mamãe da Malu

    ResponderExcluir
  19. Parabéns pelo top five heheheehhe
    Ficou maravilhoso seu post.
    Merecido.
    Bjks

    ResponderExcluir
  20. Muito obrigada meninas... Fiquei muito feliz.. :)
    Beijos

    ResponderExcluir
  21. Parabens pelo Top five e boa sorte no concurso.beijos
    maede4princesas.blogspot.com

    ResponderExcluir
  22. Estou seguindo o seu blog e gostaria que me seguisse tambem. e tem sorteio.
    beijos
    maede4princesas.blogspot.com

    ResponderExcluir
  23. Que lindo, Carol.
    Boa sorte no concurso. =)

    Beijo pra vc.
    Saudade

    ResponderExcluir
  24. Lindo amiga. Um amor incondicional, que renova e dá energia para seguirmos adiante frente os inúmeros desafios da vida. Parabéns e boa sorte. Beijos

    ResponderExcluir
  25. O amor de mãe é algo que surge de uma hora pra outra, e com uma intensidade tão grande que nem sabemos explicar! E esse amor cresce a cada dia!!!

    Beijoos..
    http://mamaetaonline.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  26. Quando me tornei mãe descobri o amor de verdade. Amo tanto meu filho que me dói o coração.
    http://matheusmeucoracao.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir